terça-feira, 17 de março de 2015

Festival Internacional de Fotografia de Belo Horizonte - 2015

Em 2015, o festival se propõe a levantar questionamento e reflexões sobre a produção imagética, suas influências na construção das diferentes visões de mundo e a forma como impactam as relações humanas, por meio do conceito: Mundo, Imagem, Mundo.

MUNDO, IMAGEM, MUNDO – O ser humano cria imagens e as utiliza como meio para construir, entender e propagar ideias. Elas influenciam nas percepções e produções de realidades, gerando múltiplos entendimentos sobre as concepções possíveis de mundo.
O processo de compreensão e construção de realidades está em constante movimento e transformação. Nos diversos contextos culturais estas visões coexistem, se sobrepõem, se intercruzam e se contestam.
Estas constantes trocas entre o mundo, a imagem e o mundo,  geram um intenso fluxo que impacta as relações humanas. A imagem se torna, então, uma ferramenta de poder, pois ela tanto organiza como desestabiliza realidades. Gerar processos de reflexão sobre a produção imagética e suas influências no mundo é o que  pretendemos com o FIF 2015.
Postar um comentário